© GAGICRC 2017 | Ficha Técnica

Clube de Programação e Robótica

logo club robotecnica

Repositório

Jogos

deliverthegoods «Deliver the Goods» [Web], por elcarrapa, Set 2010.

 

Contacte-nos

 

Sobre nós

Aprender eletrónica, informática, física, matemática, programação e robótica utilizando a metodologia tradicional e na maioria dos casos desatualizada, para muitos alunos e formandos poderá ser pouco motivador.

Ao mesmo tempo têm emergido metodologias de ensino, novos produtos e mercados que são facilitadores de aprendizagem, muito motivadores e criar o “bicho” da inovação, investigação e empreendedorismo. No entanto, a maioria dos professores, mesmo os engenheiros eletrotécnicos e informáticos, não são conhecedores ou tem pouca prática, para além de ser um pouco dispendioso.

Assim poderemos contribuir para atrair mais jovens para estas áreas, a contribuir para alargarem os seus conhecimentos, eventualmente a virem a tornarem-se melhores profissionais, a empreenderem com ideias inovadoras e de aplicação.

Com um conjunto de investigadores, estagiários, alunos, formandos para dinamizá-lo; organizar e participar em eventos sobre a temática; competir em competições; dinamizar cursos, formação e workshops sobre o tema a professores, formadores, e sermos convidados pelos professores e formadores a darmos algumas aulas na escola ou o centro de formação, de todos os níveis desde a pré-primária até ao ensino superior, caso não disponha de recursos (robôs e afins) ou o professor/ formador ainda não se sinta preparado. Podemos também organizar ações de formação para serem ministrados nos centros de formação de professores e de formadores existentes na rede nacional publica ou privada.

Exemplos:

  • Controlar um robô com o telemóvel, simular o controlo de equipamentos domésticos com um tablet a distância, fazer voar objetos, ensinar a programar com o PC, eletrónica e robôs vs. em vez de ter um ecrã de fundo preto massudo onde aparecem umas mensagens e se escrevem alguns comandos, etc…;
  • Programação orientada para dispositivos embebidos, ou seja, robôs com uma pre-programação e/ ou também a possibilidade de programar microcontroladores, de modo a que seja mais difícil mas muito mais didático e aprofundado (Robot segue linhas; Cubo Mágico;);
  • Autómatos industriais sem programação, para que os inseridos neste clube, aprendam mais sobre o controlo de equipamentos de médio/grande porte e fazerem as suas maquetas, para pôr em pratica o melhor controlo sobre os equipamentos e a sua eficiência, fazendo um brainstorming sobre a mesma (exemplos: Controlo de uma linha de comboio com estações; Parque de Estacionamento; Domótica - Casa inteligente).